A atriz Bruna Linzemeyer
A atriz Bruna Linzmeyer (Foto: Reprodução/Instagram)

A atriz Bruna Linzmeyer, que atualmente está em um relacionamento com Priscila Visman, explicou em entrevista ao jornal Extra o motivo pelo qual prefere se declarar como lésbica, mesmo tendo namorado por anos o ator Michael Melamed..

“É um ato político usar essa palavra. Porque eu, como ser humano, não quero ser reduzida por essa palavra em nenhuma esfera. Se fosse pensar na minha sexualidade, a minha sexualidade é livre: quero, posso e vou ficar com quem eu quiser”, afirmou.

Ela ainda continuou: “Existe até um nome para isso, que é pansexual ou panafetiva. Vou me relacionar com seres humanos, não importa o gênero deles, a sexualidade, com o que ele se identifica”, contou.


LEIA MAIS:

Pabllo Vittar lança clipe de “Problema é Seu”; 1º single do novo álbum

Johnny Hooker critica cancelamento de show na Parada de Teresina: “Não foi decisão minha”

Não só como um rótulo para definir uma sexualidade, Linzmeyer acredita que ser lésbica é uma forma de luta feminista. “Há um preconceito, um machismo e misoginia porque é mulher e também porque namora outras mulheres. Por isso o uso dessa palavra é importante. Mas considero a minha existência, o meu corpo e o meu prazer muito maior do que qualquer caixinha.”

Ainda na entrevista, a artista elogiou o casal lésbico interpretado por Nanda Costa e Carol Fazu em Segundo Sol e mandou um recado aos preconceituosos.  “Não sou estranha, não estou doente. Não tem nada de errado comigo. Quem está doente são vocês que estão achando meu amor estranho. É isso que representatividade traz. É muito importante tanto na narrativa, quanto na vida, nas ruas”, disparou.