A atriz Bruna Linzemeyer
A atriz Bruna Linzmeyer (Foto: Reprodução/Instagram)

A atriz Bruna Linzmeyer contou sobre o ônus de ter se assumido lésbica em entrevista à revista digital A Criatura. Ela lembrou a época que namorou a cineasta Kitty Feijó, fato que lhe rendeu a perda de alguns trabalhos publicitários.

“Sempre ouvi que não ia conseguir pagar minhas contas. Quando me apaixonei de repente, falei: ‘Uau, essa pessoa é uma mulher’. Isso não era tão encaixotado na minha cabeça. Sempre beijei a Kitty, que foi minha primeira namorada, em público, na praia, nos eventos em que a gente estava, entre nossos amigos, não-amigos, agia naturalmente. […] Perdi contratos de publicidade, não sei se na televisão. Mas outras coisas chegaram, inclusive contratos de publicidade por causa disso. No cinema”, ponderou a artista que hoje namora com Priscila Visman, há dois ano.

Linzmeyer acredita que se tivesse outras referências de casais lésbicos desde a infância teria assumido a sua sexualidade antes.  “Perdi milhões de coisas na minha adolescência porque isso não era uma possibilidade. Se eu puder fazer por uma menina o que uma atriz famosa poderia ter feito por mim, tá show, tá valendo”, afirmou.


LEIA MAIS:

Ministério Público pede que Netflix não disponibilize série adulta Super Drags no catálogo infantil

Ladrão rouba supermercado completamente nu no Piauí

Sobre tornar a relação com Visman pública, Bruna também confessou como reagiu ao ver sua intimidade invadida pela imprensa.  “Alguém me invadiu na época. Foi uma invasão. Não cheguei no jornal e disse: ‘Quero falar, eu sou lésbica’. Foi um susto. Poderia dizer que era mentira. Pensei: ‘Não posso dizer é mentira, porque se não pagar minhas contas, vou morrer de câncer. Como é que vou viver escondendo uma coisa que eu sou? Eu sou essa pessoa. E não tem nada de errado com isso’.”

Bruna ainda recordou do apoio que recebeu por parte do público. “Chegaram mensagens maravilhosas. E muitas lésbicas me param na rua para me abraçar. E meu coração está tranquilo, meu corpo pisando um passo de cada vez. Estou certa, feliz, contente. Acho que é isso que é mais lindo. Sento na praia e beijo minha namorada. Não vou deixar de fazer nada porque alguém acha que isso é um problema. Se você acha que isso é um problema, amor, vai lidar com o seu problema!”, finalizou.