O saltador britânico Tom Daley
O saltador britânico Tom Daley (Foto: Reprodução/Instagram)

O saltador britânico Tom Daley surpreendeu os espectadores que assistiam ao Campeonato Mundial de Mergulho na Rússia, no domingo (06) ao exibir um broche no peito, com as cores do arco-íris, símbolo da bandeira da comunidade LGBT, e onde podia ser lida a palavra “Pride” (Orgulho) quando subiu ao pódio do evento para receber a medalha.

Competindo com o colega de time, Greice Reid, o atleta conseguiu o segundo lugar da categoria da competição que aconteceu no Aquatics Palace, na cidade russa de Kazan. Para comemorar a vitória, ele desfilou com o botton em um país no qual a homossexualidade é altamente condenável até mesmo pelo estado.

LEIA MAIS:


Luis Fonsi se recusa a tirar fotos com público LGBT, diz site

Produtora do programa de Pabllo Vittar é acusada de trabalho escravo, diz colunista

Após a prova, Daley compartilhou o momento no perfil do Instagram, através de um stories para comemorar a conquista. “Outra medalha de prata aqui na Rússia”, escreveu acompanhado de emojis e a mensagem: “Representação no podium”.

Os casos de violência contra membros da comunidade LGBT duplicaram nos últimos anos, desde que começou a vigorar uma lei que proíbe qualquer forma de “propaganda gay”. Chamadas de relações sexuais não tradicionais, carinhos, mãos dadas, beijos, entre outras manifestações de afetos é altamente condenável no país.

Um estudo divulgado no início deste ano revelou que 83% da população russa – residentes tanto em áreas rurais quanto urbanas – consideram a prática homossexual, como sempre ou quase sempre “reprovável”.

Tom Daley exibe medalha de prata conquistada em Campeonato na Rússia
Tom Daley exibe medalha de prata conquistada em Campeonato na Rússia (Foto: Reprodução/Instagram)

DEIXE UMA RESPOSTA