Professora Stacey do Texas e esposa
Professora Stacey do Texas e esposa (Foto: Reprodução/Instagram)

Uma professora de artes do Texas entrou com um processo contra a escola na qual trabalhava, após ter sido transferida por mostrar uma foto da sua esposa aos seus alunos. Na imagem aparentemente inofensiva, ela e a companheira aparecem juntas vestidas com fantasias dos personagens de Procurando Nemo.

O clique foi compartilhado por Stacy Bailey com as crianças durante uma apresentação a qual exibiu outros momentos junto com a sua família e da sua infância. Porém, um dos pais dos alunos reclamou a diretoria, alegando que a docente promovia a agenda homossexual dentro da sala de aula, o que seria motivo para a mudança de colégio.

De acordo com informações do jornal The New York Times, que teve acesso a ação, a instituição de ensino e o distrito de Mainsfield, afirmaram em suas defesas que a decisão de afastar a professora de nada tem a ver com a sua orientação sexual e sim por causa das suas atitudes inadequadas, que ela começou a ter no último ano.


LEIA MAIS:

RuPaul vira desenho animado e estreia série em plataforma de streaming

Globo pode vetar personagem trans de próxima novela de Aguinaldo Silva

Dentre estes problemas está o tratamento de temas controversos com os alunos, o que não seria permitido de acordo com as normas da escola. “Os professores não devem usar a sala de aula para transmitir suas crenças pessoais a respeito de política e questões sectárias”, diz um trecho do documento.

Apesar de Stacy ser orientada por seus advogados a não se pronunciar sobre o caso, a sua esposa concedeu uma entrevista à imprensa nesta semana e colocou o lado da parceira na história. “É chocante e entristecedor o fato de que os membros do distrito de Mainsfield trataram minha esposa de maneira diferente quando ela falou sobre sua família, assim como qualquer professor faz. Ela foi afastada simplesmente porque seu cônjuge é uma mulher”, contou.

DEIXE UMA RESPOSTA