Com Amor, Simon
Com Amor, Simon (Foto: Divulgação)

O pedido de perdão de uma mãe norte-americana à sua filha bissexual, após assistir o filme “Com Amor, Simon”, ganhou grande repercussão nas redes sociais, que já ultrapassa a marca de 92 mil compartilhamentos.

Jade, de 18 anos, conviveu com a rejeição da sua genitora por quatro anos, até que as duas se emocionaram com a história do longa, que tocou tanto e fez com que ela fizesse  um pedido de desculpas à herdeira. “Ela apertou minha mão no cinema, quando Simon se assumiu para a família, e sussurrou ‘me desculpe’ para mim em lágrimas, porque eu nunca fui aceita”, descreveu a jovem.

“Quando estávamos saindo do cinema, ela ainda quis conversar abertamente sobre a minha namorada, sem ligar para as pessoas ao redor, coisa que ela não faria um ano atrás. Hoje, minha mãe me aceitou como nunca antes”, continuou.


LEIA MAIS:

Candidato do The Voice Austrália pede namorado em casamento no palco do programa

Pabllo Vittar apresenta seu novo programa no Multishow: “Ansiosa e feliz”

Ainda no post, a garota compartilhou como os seus pais receberam a notícia a respeito da sua sexualidade. Eu assumi que sou bissexual para a minha mãe em 2014, e ela disse que nunca olharia para mim da mesma forma”, relatou.

“Eu fiquei chorando no banheiro durante seis horas e toda a minha família me ignorou por dias. Eu fui chamada de nojenta e meu pai disse que eu ‘esqueceria isso com o tempo’, enquanto minha mãe tentou me forçar a ser hétero”, completou.