Christian Bales
Christian Bales (Foto: Reprodução/Instagram)

O estudante Christian Bales roubou a cena durante a sua formatura do colégio católico Holly Cross High School, em Kentuchy, nos Estados Unidos. O ato aconteceu após a diocese local proibir o seu discurso por ser considerado político demais.

De acordo com a ABC News, o jovem que é assumidamente gay usou o megafone junto com a sua amiga, Katherine Frantz, presidente do conselho estudantil para dizer o texto que havia ensaiado no gramado ao lado da formatura.

“Quando entramos no mundo real, devemos lembrar que temos voz”, discursou o formando. “Em vez de permitir que a oposição nos silencie, devemos utilizá-la como fortalecimento. Enquanto nutrirmos nossa mente como jovens, poderemos ser igualmente impactantes ao encontrarmos o mundo”, continuou. 


LEIA MAIS:

Transgêneros têm atividade cerebral semelhante a pessoas cis, revela pesquisa

Colégio POC exclui perfil em rede social após virar meme gay na web

Bales continuou convocando os jovens para fazer a diferença no mundo. “Há uma noção equivocada de que a sabedoria é diretamente proporcional à idade, mas estamos refutando isso diariamente”, completou.

À publicação a diocese local informou que o discurso proposto pelo jovem não era o mais apropriado para a ocasião. “Quando os discursos propostos foram recebidos, foram encontrados elementos que eram políticos e inconsistentes com o ensino da Igreja Católica”, disse o porta-voz Tim Fritzgerald, da Diocese Covington, em Ketucky, em comunicado.

DEIXE UMA RESPOSTA