Garotas de programa
Garotas de programa (Foto: Reprodução/Internet)

Duas travestis foram presas na madrugada desta quarta-feira (04) após tentarem assaltar um homem e o espancarem no bairro Santos Dumont, em Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul. As acusadas foram detidas em flagrante quando uma equipe do Pelotão de Trânsito da Polícia Militar passava pelo local e avistou a vítima pedindo por socorro.

De acordo com o Patrulha News, uma das suspeitas afirmou que o homem havia feito um programa e não queria pagar o valor, o que teria motivado a dupla a tentar roubar o aparelho celular do mesmo como pagamento pelos serviços prestados.

Leia Mais:


Pastor pede para homens não se masturbarem por estarem praticando “sexo gay”

Travesti Elvira é morta a facadas no Ceará

A vítima contou à polícia que apesar de ser homossexual não manteve relações sexuais com as agressoras. Os três envolvidos também alegaram que a briga não se tratava de uma disputa por território.

As travestis não aceitaram receber voz de prisão dos policiais e chegaram a ameaçar registrar uma queixa contra os agentes por homofobia. Elas já têm histórico de passagem pela polícia e foram encaminhadas à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), onde criaram muito alvoroço causando ferimentos ao bater a cabeça contra a parede e se jogando no chão várias vezes, provavelmente, com o intuito de se auto lesionar.