A cantora Kesha
A cantora Kesha (Foto: Divulgação)

Um EP especial dedicado a luta da diversidade e também da causa a comunidade LGBT foi anunciado, nesta quarta-feira (04), com a presença de vários artistas que apresentam regravações de músicas que representam o amor sem restrições. Todos as canções tiveram seus títulos modificados para pronomes que se adequem ao gênero de cada intérprete.

A cantora Kesha aparece como uma das participantes desta coletânea, interpretando a sua versão para a faixa “I Need a Woman to Love”, originalmente lançada por Janis Joplin, porém com a modificação do gênero (I Need A Man to Love).

Leia Mais:


Pabllo Vittar e Lexa aparecem juntas de Gloria Groove e Gominho em gravação para TV

Queens de “Rupaul” sofrem homofobia em lanchonete na Inglaterra

Além dela, Bob Dylan também aparece no álbum na faixa “He’s Funny That Way”, versão de “She’s Funny That Way” mudança que já havia ocorrido quando mulheres, como Ella Fitzgerald gravaram a música. O projeto foi criado com a intenção de transformar canções clássicas em músicas que possam ser tocadas em casamentos para pessoas do mesmo sexo.

O álbum deve ter o seu lançamento oficial marcado para o dia 20 de abril. Apesar das faixas já terem sido incluídas na plataforma de música Spotify, mas as canções não podem ser executadas.