Grindr
Grindr [Foto: Divulgação]

Não é incomum nós do Observatório G informarmos a respeito de alguma notícia de encontros feitos no Grindr que se tornaram um verdadeiro pesadelo e terminaram da pior maneira possível. Por isso que todo cuidado é pouco, até porque nunca se sabe as reais intenções de quem está do outro lado da tela do celular. Um novo caso, aconteceu recentemente na Holanda envolvendo um jovem de 28 anos que alega ter sido atacado por 16 pessoas no local marcado pelo aplicativo.

De acordo com a vítima que não quis se identificar, ele marcou um encontro com um rapaz pelo app de pegação gay em um clube de futebol, na sexta-feira (30). Após conversarem, o homem propôs ir para sua casa, localizada nas proximidades, porém ao chegar no estacionamento o rapaz foi surpreendido pelo ataque, que não teve efeitos mais graves pois a grossura do seu casaco acabou amortecendo os golpes.

Leia Mais:


Pai pede para namorada transar com filho autista por achar que ele é gay

Grindr lança ferramenta para lembrar usuários a fazer o teste de HIV

Apesar da defesa do agasalho, ele saiu com ferimentos no rosto e acabou ficando inconsciente, após isso, a vítima foi levada para um hospital, onde foi medicada e liberada para a recuperação em sua casa.

No dia seguinte, outro caso parecido foi registrado pela polícia local. Porém, desta vez, o jovem conseguiu fugir antes do ataque. O prefeito da cidade Wouter Kolf informou que as autoridades estão investigando para saber se os ataques têm alguma relação entre eles.