O crítico de cinema Rubens Ewald Filho
O crítico de cinema Rubens Ewald Filho (Foto: Divulgação/TNT)

Uma declaração feita pelo crítico de cinema Rubens Ewald Filho durante a transmissão do Oscar na TNT, no domingo (04), tem causado polêmica. Na ocasião, o comentarista disse que a atriz trans Daniela Vega, protagonista do filme “Uma Mulher Fantástica” era “na verdade um homem”, o que gerou descontentamento nas redes sociais.

Diante da repercussão negativa, a TNT divulgou um comunicado por meio de sua assessoria, no qual afirma que “repudia toda ação ou manifestação preconceituosa de qualquer natureza”.

O canal a cabo ainda contou que já teve conversas com o especialista em cinema. “Alinhado a esse propósito, a direção da TNT já conversou com o comentarista Rubens Ewald Filho para evitar que episódios como os comentários feitos durante a transmissão do Oscar no último domingo não se repitam e decidirá, nas próximas semanas, o futuro de sua participação nas transmissões e conteúdos digitais da marca”, completou o texto.


Leia Mais: RuPaul pede desculpas após declarações transfóbicas em entrevista: “Heróis do movimento LGBTQ”

Ainda no comunicado, Rubens se desculpa, com as suas próprias palavras, sobre a fala transfóbica feita ao vivo na emissora de filmes e séries.“Em nenhum momento houve a intenção de endossar qualquer posicionamento preconceituoso”, ressaltou.

Em entrevista ao portal Terra, ele negou que tenha uma postura e conduta transfóbica. “Sempre lutei a favor daquilo que é certo, do indivíduo, das minorias e da liberdade de expressão. O que aconteceu em relação a atriz Daniela Vega foi, no fundo, uma confusão minha de termos técnicos, de expressão, mas nunca, em hipótese alguma, uma atitude sexista e transfóbica.”

DEIXE UMA RESPOSTA