Becky Albertalli, autora de
Becky Albertalli, autora de "Com Amor, Simon" (Foto: Divulgação)

Em cartaz no Brasil, e em algumas cidades a partir do dia 05 de abril, o drama gay “Com Amor, Simon” é baseado no livro “Love, Simon”, escrito pela autora norte-americana Becky Albertalli, que em entrevista à revista Veja defendeu o retrato de personagens LGBT em novas produções de ficção.

“Há muitas crianças que vão ver a si mesmas nesses livros e filmes. Eu mesma cresci sem ver certos aspectos da minha identidade representados na arte ou na mídia”, afirmou ela.

Leia Mais:


“Vamos celebrar a diversidade juntos”, discursa vocalista da Imagine Dragons no Lollapalooza

William Bonner elogia primo Hugo Bonemer após assumir sexualidade: “Orgulhoso”

A trama conta a história de Simon, um adolescente gay de 17 anos, que se apaixona por um colega de sala anônimo com o qual se relaciona por e-mail, e foi responsável por encorajar vários jovens a assumir sua sexualidade, como contou a escritora. “Eu recebo e-mails e mensagens nas redes sociais de pessoas que se viram no Simon e é muito especial, como uma autora, ter esse tipo de feedback”, comemorou.

Para Albertali, os jovens irão se identificar com o seu enredo. “Uma das coisas que achei importantes quando estava escrevendo, e que a equipe responsável pelo filme também entendeu, é que personagens como Abby e Bram sejam negros. E no filme eles mostraram ainda mais diversidade do que no meu livro. Isso significou muito para mim, porque senti que eles realmente entenderam a mensagem do livro”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA