Grindr
Grindr [Foto: Divulgação]

O aplicativo de pegação gay Grindr entrou na luta de combate ao vírus HIV/Aids ao lançar uma ferramenta que servirá como lembrete aos usuários para realizar os testes para as Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) regularmente.

A inciativa faz parte de uma parceria do app com a associação CenterLink, organização que ajuda na campanha para a prevenção e tratamento das pessoas soropositivas e poderá contar com a publicidade dentro do programa de encontros homoafetivos que contará também com os locais onde serão feitas as testagens.

Leia Mais:


Organização lança campanha para criação de princesas trans e empoderadas na Disney

Cineasta brasileiro prepara versão gay do ícone do terror “Poltergeist”

“É difícil chegar nessas pessoas que mais precisam ouvir esta mensagem. Está claro que o Grindr tem a adesão de usuários que tem vida sexual ativa e eles precisam ser sempre lembrados da importância”, afirmou Melanie Thompson, da HIV Medicine Association.

Já o diretor pela equalidade no Grindr, Harrison-Quintana, destaca que além do diagnóstico do vírus também é de suma importância mais informações sobre a profilaxia pré-exposição (PrEP) e a desestigmatização.