Bebês
Bebês (Foto: Reprodução/Instagram)

Um casal gay foi impedido de registrar os seus filhos gêmeos, em um cartório de Turim, na Itália, que negou a transcrição da certidão de nascimento dos bebês nascidos no Canadá, gerados através de uma barriga de aluguel.

Apesar das crianças terem seus documentos transcritos no nome do pai biológico, como prevê a legislação italiana, os cônjuges entraram com uma retificação para que ambos os pais pudessem assinar como responsáveis pela guarda dos recém-nascidos.

Leia Mais: Drama gay Me Chame Pelo seu Nome tem exibição censurada na Tunísia


A Itália reconhece casais gays como pais, porém, o maior problema neste caso, seria o fato dos gêmeos serem gerados por meio de barriga de aluguel, prática vetada no país, através da chamada “Lei 40”, sobre procriação assistida, mas permitida no Canadá. 

As autoridades de Turim, por sua vez, afirmaram que este caso se trata “de uma questão puramente técnica e para a qual já está sendo buscada uma solução”. Com informações do portal Terra.

DEIXE UMA RESPOSTA