A drag queen Pabllo Vittar
A drag queen Pabllo Vittar (Foto: Reprodução/TV Globo)

A drag queen Pabllo Vittar usou o seu perfil no Instagram para rebater as informações divulgadas pela jornalista Fabíola Reipert, da Record, que a cantora, junto com parte da sua equipe e amigos, teriam tratado funcionários de um restaurante em São Paulo com antipatia, além de ter ataques de estrelismo no local.

Em um vídeo, a performer desmentiu as acusações e exigiu que a apresentadora do Hora da Venenosa, do Balanço Geral, apresente provas sobre o fato. “Quero vídeo e quero testemunha. Bixa, vocês são podres! Podres! Vão lavar uma roupa! Meu Deus do céu”, disparou.

Leia Mais:


Pabllo Vittar comenta sobre clipe com beijo em Diplo: “Não foi técnico”

Canal esportivo publica meme homofóbico para divulgar jogo do SP e desperta ira dos torcedores

Em outro vídeo, Pabllo ainda ironizou. “Que eu proibi os garçons de me olharem enquanto eu fazia pedido… Bixa, a senhora tá sem pauta, né? Pelo amor de Jesus Cristo, vai lavar uma roupa, mulher, pelo amor de Deus. Ah, me poupe!”, completou a artista, que ainda afirmou que estava em alto mar dentro de um navio , quando ficou sabendo da notícia

Durante uma edição recente do quadro do jornalístico da hora do alomoço, Reipert contou que a drag havia mal tratado funcionários de um restaurante durante a passagem pela capital paulista. Além de tratar a todos com desdém ela teria proibido o garçom que nem a olhasse, enquanto atendia a mesa.