Heber Galante Avassalin e o namorado Carlos Portugal Arouca suspeito de matá-lo a facadas
Heber Galante Avassalin e o namorado Carlos Portugal Arouca suspeito de matá-lo a facadas [Foto: Reprodução/Instagram]

O jovem Heber Galante Assalim Júnior, de 22 anos, morreu no último dia 14, vítima de complicações após duas facadas que recebeu do próprio namorado, dois dias antes de vir a óbito. Depois do ataque, o rapaz foi internado no Centro de Tratamento Intensivo, da Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas (HC-UE), em Ribeirão Preto, em São Paulo.

De acordo com testemunhas, a agressão aconteceu, após um desentendimento com o namorado Carlos Portugal Arouca, de 38 anos, que está foragido. O crime aconteceu dentro do apartamento do casal, no bairro Jardim Botânico. Vizinhos contaram à polícia sobre discussões recorrentes entre o casal ultimamente.

Leia Mais: Pastor Marco Feliciano afirma que Pabllo Vittar representa ameaça para moral e bons costumes


Durante uma dessas brigas, Carlos que trabalha como gerente de loja, pegou uma faca com o intuito de ferir o namorado. Em um primeiro momento, a vítima ainda conseguiu se esconder em um quarto, mas o seu companheiro conseguiu arrombar a porta e o surpreendeu com golpes no abdômen e no braço, fugindo logo em seguida.

Após o ocorrido, Heber foi socorrido por uma vizinha que acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O jovem foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado como tentativa de homicídio e está sob investigação no departamento de homicídios da Delegacia de Investigações Gerais (DIG).