Beijo gay entre japoneses
Beijo gay entre japoneses (Foto: Reprodução/Youtube)

A cidade de Fukuoka irá se tornar o sétimo distrito do Japão a reconhecer relacionamentos homoafetivos, como um casal. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (14), e a lei deve ser posta em prática a partir de abril.

Apesar de não ser reconhecido como casamentos oficiais, não aplicando direitos legais, a união pode servir como documentação para quando o casal decidir alugar alguma habitação administrada pela cidade, por exemplo, ou se submetam a algum tratamento médico que exija o consentimento de um membro da família nos hospitais da cidade.

Leia Mais: Vaza suposto vídeo íntimo do humorista Marcelo Adnet nas redes sociais


Com a iniciativa, Fukuoka integra a lista de municípios locais que passaram a reconhecer casais LGBT. Shibuya e Setagaya, em Tókio, foram os primeiros lugares do país oriental a tomar a medida, em 2015. Logo em seguida, as cidades de Iga, Takarazuka, Naha e a mais recente Sapporo, que passou a aceitar casais homoafetivos em junho do ano passado.