Dumbledore em Animais Fantásticos e Onde Habitam
Dumbledore em Animais Fantásticos e Onde Habitam (Foto: Divulgação)

Após divulgar que Dumbledore iria ser retratado como homossexual na sequência da franquia Animais Fantásticos e Onde Habitam, a Warner Bros. voltou atrás na decisão e apesar de não sofrer uma situação de cura gay, o personagem não terá a sua sexualidade explícita.

A escritora J.K. Rowling chegou a confirmar a orientação sexual do bruxo ainda em 2010, completando que ele foi amante sexual de Grindelwald por longos anos, e que a relação foi mostrada em um dos filmes da saga Harry Potter.

Entretanto, agora o diretor David Yates deu um banho de água fria nos fãs da comunidade LGBT que vibraram com a notícia anteriormente, e afirmou que a sexualidade de Dumbledore não será algo tão escancarado nos próximos longas.


“O filme não mostrará sua sexualidade explicitamente, mas os fãs sabem sobre sua história com Grindelwald. Quando eles eram jovens, eles se conheceram e se apaixonaram pelas ideias um do outro, e também se apaixonaram um pelo outro. No filme, Dumbledore é um professor que inspira os alunos de Hogwarts e também um homem rebelde. Ele ainda não é o mago sábio que conhecemos. Ele tem um lado sombrio”, afirmou.

Leia Mais:

Cenas do clipe de Lucas Lucco e Pabllo Vittar vira chamada de filme nas redes sociais; confira

Diretor confirma continuação de “Me Chame Pelo seu Nome”

Subtitulado como Os Crimes de Grindewald, a continuação de “Animais Fantásticos” estreia no Brasil no dia 15 de novembro nos cinemas brasileiros, um dia antes do lançamento nos Estados Unidos.

O elenco conta com Ezra Miller (Credence) e Zoe Kravitz (Leta Lestrange), que retornam. Além disso, Callum Turner ingressa à adaptação como o irmão de Newt, o herói de guerra, Theseus Scamander, que se juntam a Katherine WaterstonEddie RedmayneAlison Sudol  e Dan FoglerJohnny Depp vive o vilão Gerardo Grindelwald e Jude Law será o jovem Dumbledore.

DEIXE UMA RESPOSTA