Ex-BBB Serginho Orghastic
Ex-BBB Serginho Orghastic [Foto: AgNews]

Aos da turma que não são e nem curtem afeminados, comecem a rever os seus conceitos, pois uma pesquisa realizada no Reino Unido chegou à conclusão que homens que costumam ter trejeitos femininos têm menos chances de desenvolver problemas cardíacos.

O estudo feito pelos pesquisadores Kate Hunt, Heath Lewars, Carol Emslie e David Batty utilizou dados de 1551 voluntários, entre homens com trejeitos mais masculinos e também os com características femininas mais aparentes e observou que os mais machões têm maiores tendências a ter um ataque cardíaco que o outro grupo.

Leia Mais:


Deputados baianos aprovam projeto do Dia do Orgulho Hétero

Pabllo Vittar revela segredo da boa forma: “Dois anos sem cerveja”

Foi comprovado que homens que menos se assemelham a feminilidade são mais estressados, agressivos e mais mal-humorados, tendo assim, maior disposição de ocorrer problemas de saúde envolvendo o coração.

Já os afeminados, são mais bem humorados, alegres, menos estressados, dão muita risada, e, em virtude desses fatores, normalmente têm uma ótima pressão e uma boa circulação sanguínea. O que são fatores mais que suficientes para contribuir ao bom funcionamento do coração. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA