A atriz Lala Deheinzelin
A atriz Lala Deheinzelin [Foto: Divulgação]

Mesmo com a rápida carreira pela televisão, a atriz Lala Deheinzelin ainda é reconhecida por causa de um dos seus papéis mais marcantes, uma lésbica na novela Vale Tudo, exibida em 1988 pela TV Globo.  

“Fico feliz com isso. Tive o privilégio de fazer coisas que foram muito boas na TV, mesmo tendo sido um período curto, pois logo tomei outra direção”, contou à coluna de Patrícia Kogut, de O Globo.

Na trama de Gilberto Braga, ela interpretava Cecília uma das primeiras personagens LGBT interpretadas sem ser de maneira caricata, e que vivia um romance com Laís (Cristina Prochaska). Apesar de não haver contato explícito as duas formavam um casal assumido.


Leia Mais:

Ator Bruno Gadiol afirma já ter beijado um rapaz

Gretchen posta foto de encontro com Pabllo Vittar em rede social

Laila fez um paralelo com os avanços do mundo atual. “Hoje é tudo muito claro e revelado. Naquela época tínhamos que cuidar muito em como criar as personagens para que as pessoas pudessem empatizar com elas”, comparou.

A personagem porém nos teve o final feliz e acabou morrendo vítima de um acidente de carro. Muitos acreditam que o fato só aconteceu pela rejeição dos conservadores, o que foi desmentido pelo autor.

A morte de Cecilia já estava prevista na sinopse original da trama, Braga queria discutir a herança dentre casais homossexuais. Já que o irmão mais novo da lésbica travou uma briga judicial pelos bens com Laís, que ainda engatou um romance com Marília (Bia Seidi) nas últimas semanas da novela.