Naomi Campbell sobre comunidade LGBT: “Sem eles eu não existiria”

A modelo Naomi Campbell
A modelo Naomi Campbell

A top model Naomi Campbell dedicou todo o sucesso da sua carreira a comunidade LGBTQ. A declaração foi dada, durante entrevista ao prefeito de Londres, Sadiq Khan, à revista Vogue Inglesa.

“Se não fossem pelos gays, eu não iria existir. Cabelo, maquiagem, designer, fotografia, estilo, manicure, cabeleireiro. Devo a minha vida aos homens gays. É apenas com o que eu cresci. É a minha família.”, revelou.

Leia Mais:


Sam Smith aparece de surpresa em casamento de lésbicas

Drag queen de “Rupaul” é a nova garota-propaganda da linha de cosméticos de Madonna

As palavras da modelo foram em complemento à uma frase do parlamentar que criticou a falta de apoio à comunidade LGBT por políticos como ele. “É um pouco vergonhoso que eu seja o primeiro prefeito a caminhar uma parada gay completa, como fiz ano passado”, desabafou Sadiq.

Ainda durante o bate papo, Naomi confessou que encoraja a diversidade dentro do universo da moda, além de ser a favor da presença cada vez maior de pessoas trans nas passarelas. “A verdade é que a cultura LGBT e a moda andam de mãos dadas”, afirmou.


DEIXE UMA RESPOSTA