Justiça do Rio condena deputado Jair Bolsonaro a pagar R$ 150 mil por danos morais aos LGBTs

Deputado Federal Jair Bolsonaro
Deputado Federal Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução)

A 6ª Vara Cível do Rio de Janeiro condenou, em segunda instância, o deputado Federal Jair Bolsonaro a pagar uma indenização de R$ 150 mil, por dano moral contra a comunidade LGBT.

A ação foi movida pelo Grupo Diversidade de Niterói, Grupo Cabo Free de Conscientização Homossexual e Combate à Homofobia e o Grupo Arco-Íris de Conscientização, a partir da representação da advogada Clara Silveira.

Leia Mais:


Pesquisas desmentem Bolsonaro e mostra que menos de 1% dos LGBTs de SP votam nele

Drag queen leva alegria para crianças com câncer e abre financiamento para ampliar ação

As entidades entraram com o processo após declarações do parlamentar em entrevista ao extinto programa humorístico CQC, da Band, no qual disse que nunca teria um filho gay, diante da “boa educação” que deu aos seus, além de afirmar que não participaria de desfiles gays para não promover “maus costumes”.

O valor da indenização será revertido ao Fundo de Direitos Difusos, que irá destinar o dinheiro para investir em políticas públicas contra o preconceito.


DEIXE UMA RESPOSTA