Banana
Banana [Foto: Reprodução/Internet]

Um estudo realizado pela Bayllor College constatou que a doença de Peyrone – quando o pênis tem uma curvatura inclinada para cima, para os lados ou para baixo – tem relação com complicações de saúde entre os homens.

O levantamento apontou que 40% dos homens que apresentam esta condição têm mais chances de desenvolver câncer de testículo e/ou de estômago. Estes pacientes também tem 29% maior de possibilidades de terem um melanoma.

Leia Mais:


Justiça dos EUA condena universidade a pagar indenização milionária à professora por transfobia

Fã de Pabllo Vittar viraliza ao dançar Corpo Sensual no pátio da escola; assista

Os pesquisadores tiveram como base, o material genético de pais e filhos, das pessoas acompanhadas. Foi descoberto que eles compartilhavam um conjunto de genes que tornam predispostos a tumores malignos. A doença atinge cerca de 4% a 7%.

Apesar das informações serem alarmantes, os pesquisadores ponderam que os números podem ser ainda maiores, por causa de homens que tem vergonha de descrever para os seus médicos a condição, além daqueles que nem sabem que estão de fato doentes. Novos estudos devem ser feitos para terem o diagnóstico mais preciso.