Websérie #Brecha
Websérie #Brecha [Foto: Reprodução/Youtube]

Criada pela ONG Pensamentos Filmados, a série #Brecha discutirá temas como sexo, repressão, homofobia, religião, violência contra mulher, machismo, drogas, abusos, transtornos mentais. A estreia está marcada para o dia 06 de novembro no YouTube.

Com 10 episódios em sua primeira temporada, a produção já conta com 8 indicações no prêmio Rio Webfest 2017, inclusive de Melhor Série brasileira, e terá entre as suas principais características a interação com seus espectadores, convidados a decidirem os próximos passos da trama, através de comentários nos vídeos.

Leia Mais:


Cléo Pires revela que era masculina na infância: “Me sentia um homem gay”

Culpado por porte de pornografia infantil, ator de Glee tentou se matar durante julgamento

Na história, Brecha (Andrei Böhler) é um adolescente cheio de conflitos, que vive às voltas com a mãe, Maria (Alejandra Saiz Sampaio), pastora que sofre uma crise de pânico diante dos seus fiéis. Dentre os amigos do jovem, está Ricco (Ramón D’ Bello) gay que tenta se realizar em busca da forma perfeita e do príncipe encantado nos aplicativos de pegação.

Assista o trailer: