Pesquisa revela aumento de 146% do contágio da Aids entre gays

AIDS
AIDS (Foto: Reprodução)

Uma pesquisa encomendada pelo Ministério da Saúde, sob supervisão da professora da Universidade Federal do Ceará (UFC), Lígia Kerr, revelou dados alarmantes e preocupantes a respeito do contágio da Aids.

O levantamento foi feito em 12 cidades diferentes do Brasil, e constatou que entre o período de 2009 e 2016, o número de pessoas infectadas com a doença subiu para 146%. No geral, o número de pessoas HSH com HIV teve um aumento de 12,1% para 18,4% e estes índices crescem ainda mais quando os jovens ouvidos são menores de 25 anos.

Em outro estudo, desta vez realizado pela Universidade de Caxias do Sul (USC) ouviu 37 mil jovens, de idade entre 17 e 20 anos, que se alistaram nas Forças Armadas, e se mostraram mais vulneráveis ao hrupod e HSH, e concluiu que apenas 0,12% era portador do HIV.


 Leia Mais:

A ciência contou quantas ereções você têm no dia e se elas são normais

Sam Smith e ator de 13 Reasons Why são flagrados aos beijos em Nova York

A pesquisa também analisou a presença de sífilis, onde pôde ser observado um aumento. Em 2007, o vírus estava manifestado em 0,53% dos rapazes, agora aparece em 1,63% dos homens da mesma faixa etária.

“O uso do preservativo de forma geral se desgastou. A gente precisa mudar o discurso, de forma que possamos atingir essas pessoas. Trabalhar com linguagem mais moderna, ver o que de fato é necessário”, afirma a coordenadora do departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, Adele Benzaken

Mas enquanto esse novo método de prevenção não chega, melhor coisa a fazer é continuar com os antigos. Não esquece da camisinha, por favor!


1 COMENTÁRIO

  1. Queria que no Brasil se vendesse PEP nas farmácias, esse monopólio do Governo não é perfeito, dá acesso pra muita gente mas causa embaraço.

DEIXE UMA RESPOSTA