Jovem é espancado durante festa universitária por ser gay em Uberaba (MG)

bandeira lgbt
Bandeira LGBT (FOTO: Reprodução/Internet)

Um jovem de 24 anos registrou um Boletim de Ocorrência (B.O.) no qual afirma ter sido vítima de homofobia durante uma festa universitária em Uberaba, no Triângulo Mineiro, no último domingo (22). De acordo com ele, três homens o espancaram e momentos antes das agressões, os autores do crime teriam dito comentários homofóbicos ao estudante.

Junto com testemunhas, a vítima contou à polícia que por volta de 2h, os suspeitos deram início as ofensas sem motivo aparente.  Após a sessão de xingamentos, os agressores esganaram, deram socos e chutes no rapaz. Mesmo após ficar inconsciente no chão, as agressões continuaram.

Leia Mais:


Paulo Gustavo se assusta com valor cobrado por babá para cuidar de gêmeos

Banda Uó anuncia pausa após sete anos

Os homens foram detidos por outras pessoas que estavam na festa e uma ambulância da Ubervidas foi acionada. Segundo o médico que atendeu a vítima, houve escoriações na cabeça, lábios, peito e braço esquerdo, há ainda a suspeita de um traumatismo craniano leve. Porém, não precisou levá-lo ao hospital por ele responder bem aos procedimentos de primeiros socorros.

Com ajuda das testemunhas, o agredido conseguiu identificar os três suspeitos, ainda na madrugada do ocorrido. Os policiais foram até a casa da vítima, mas os agressores não foram encontrados. Ninguém foi preso.

O caso foi encaminhado para a Polícia Civil de Uberaba, que informou que o jovem foi ouvido e que as investigações estão em andamento. Os organizadores postaram uma nota repudiando as agressões e informaram que prestaram atenção à vítima.

Leia a nota na íntegra:

A cada 25 horas uma pessoa é morta por homofobia no Brasil. A Integra Bixos surgiu com a ideia de unir os universitários de Uberaba em uma única festa, onde é proposto amor, tolerância e integração. A Integra é uma festa universitária, onde acreditamos que todos presentes sejam possuidores do conhecimento da luta LGBT no Brasil.

No entanto, fomos pegos de surpresa mais uma vez! Durante a festa, o que parecia ser mais uma briga de playboys frustrados, era na realidade mais um triste retrato de uma sociedade doente, que louva a ganância e o dinheiro, e que na verdade é racista, machista, fascista e homofóbica.

E o que mais nos entristece, é que esse fato ocorreu logo em uma festa universitária, local onde estão presentes a esperança em curar essa comunidade, o futuro do nosso País, e os responsáveis em passar para as próximas gerações o real significado de RESPEITO.

Desde o conhecimento real dos fatos (domingo a noite), procuramos nos informar ao máximo e estamos entrando em contato com a vítima para que possamos prestar a ela o máximo de ajuda necessária.

Por fim, queremos lembrar que berço de ouro não cria caráter, nem da educação. Seu dinheiro, seu padrão de beleza e suas propriedades não fazem parte do que desejamos em nossos eventos. Pode ficar do lado de fora com seus padrões provincianos, pois aqui dentro queremos as pessoas de bem e vocês só merecem cadeia

homofobia festa uberaba, festa homofobia universitária, jovem espancado festa universitária, festa uberaba, festa uberaba jovem vítima homofobia,


DEIXE UMA RESPOSTA