Eduardo Costa dá show de desinformação e critica debate de gênero: “Fim da picada”

O cantor Eduardo Costa
O cantor Eduardo Costa [Foto: Divulgação]

O cantor sertanejo Eduardo Costa usou o seu perfil no Instagram para tecer críticas a polêmica performance no Museu de Arte Moderna de São Paulo – na qual uma criança toca o pé de um homem nu, deitado no chão da sala -, e também a algo que ele chama de “ideologia de gênero”.

“Será mesmo que isso é arte? Ou será Jesus voltando? Parece que o capeta está morando no museu de arte de São Paulo e resolveu ensinar arte pra criancinhas. Eu jamais deixaria minha filha nem ver uma foto dessas, quanto mais ir numa desgraça dessas”, disparou.

Leia Mais:


Eriberto Leão fala de personagem gay enrustido em O Outro Lado do Paraíso: “Vive na mentira”

DC Comics ganha prêmio por representatividade LGBT nos quadrinhos

Ainda no post, Costa também opinou sobre o debate de gênero. De maneira equivocada, ele condenou a discussão presente na sociedade. “Ideologia de gênero, você sabe o que é isto? Então, responda aqui nos comentários. Querem fazer meninas virarem meninos e meninos virarem meninas. Uma putaria só. É o fim da picada. Tem lógica, não.“, escreveu.

O post foi apagado momentos depois, mas prints circulam pela internet.

Confira:

O cantor sertanejo Eduardo Costa fez críticas ao debate de gênero (Foto: Reprodução/Instagram)

DEIXE UMA RESPOSTA