Cléo Pires revela que era masculina na infância: “Me sentia um homem gay”

A atriz Cléo Pires
A atriz Cléo Pires [Foto; Divulgação]

Atriz, filha de Glória Pires com Fábio Jr e agora youtuber, Cléo Pires entrou na moda das tags e compartilhou 35 fatos sobre ela em seu canal. Dentre as revelações, ela contou que na infância se sentiu como um homem gay.

“Achava estranho ser mulher, porque me sentia um homem, gay”, declarou Pires, que completou dizendo que só passou a gostar de ser mulher após os 30 anos de idade.

Ainda no vídeo, a atriz fez outras revelações como o fato de ter chupado dedo até os 20 anos, querer ser paquita da Xuxa, sonho de dez entre dez meninas na década de 1980, e que não era uma das melhores alunas na escola.


Leia Mais:

Ator pornô gay Rocco Steele é destaque em aniversário de festa em SP

Giovana Ewbank revela que público tem curiosidade para saber se Bruno Gagliasso é bem dotado

Em recente entrevista ao programa Lady Night, apresentado por Tatá Werneck, no Multishow, Cléo Pires revelou que tinha mais amizades masculinas quando criança. “Eu botava o Ken e a Barbie para transar e as meninas achavam estranho. Os meninos achavam legal”, lembrou. “Meu apelido era Mike Tyson. Eu brigava pelos outros, não por mim. Não podia mexer com ninguém que eu gostasse”, explicou.

 


2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA