Contra a cura gay, Caixa Belas Artes exibe filmes LGBTs

Entre os filmes exibidos na Mostra estão Tomboy (2012), Rocky Horror Picture Show (1975) e Carol (2015)
Entre os filmes exibidos na Mostra estão Tomboy (2012), Rocky Horror Picture Show (1975) e Carol (2015)

Além de render assunto na sociedade e imprensa, a decisão da Justiça em liberar psicólogos de tratarem a homossexualidade como doença também tem movimentado o mercado.

O Caixa Belas Artes que o diga. Para curar os preconceituosos de plantão, o cinema exibirá filmes a mostra “Os Incuráveis” de temática LGBT entre os dias 06 e 18 de outubro.

Laurie, a menina que gosta de se passar por menino (do filme Tomboy), o memorável Doctor Frank (de Rocky Horror Picture Show) e a lésbica Carol (interpretada por Cate Blanchett) são algumas das figuras que poderão ser vistas em tela na grande na mostra de personagens “incuráveis” feitas pelo cinema.


VEJA TAMBÉM

A programação tem ingressos a R$ 16 (inteira) e R$ 8 (meia-entrada) e conta ainda com o Combo Cura, com cerveja, pipoca e aquele bombonzinho pra dar aquela adoçada, com tudo sendo vendido a R$15.

Confira a programação completa:

“Maus Hábitos” (Pedro Almodóvar, 1983)
6 de outubro | 21h

“Querelle” (Werner Fassbinder, 1982)
7 de outubro | 21h

“The Rocky Horror Picture Show” (Jim Sharman, 1980)
7 de outubro | 23h30

“Traídos Pelo Desejo” (Neil Jordan, 1992)
8 de outubro | 21h

“Furyo, Em Nome Da Honra” (Nagisa Oshima, 1983)
9 de outubro | 21h

“Tomboy” (Celine Sciamma, 2011)
10 de outubro | 21h

“Felizes Juntos” (Wong Kar-Wai, 1977)
11 de outubro | 21h

“Paixão Selvagem” (Serge Geinsbourg, 1976)
12 de outubro | 21h

“Caravaggio” (Derek Jarman, Reino Unido, 1986)
13 de outubro | 21h

“As Lágrimas Amargas de Petra Von Kant” (Reiner Werner Fassbinder, 1972)
14 de outubro | 21h

“Carol” (Todd Haynes, 2015)
15 de outubro | 21h

“Tabu” (Nagisa Oshima, 1999)
16 de outubro | 21h

“Assuntos de Menina” (Léa Pool, 2003)
17 de outubro | 21h

“Um Dia Muito Especial” (Ettore Scola, 1977)
18 de outubro | 21h


DEIXE UMA RESPOSTA