Ativistas portugueses criam aplicativo sobre saúde dedicado a gays

Smartphone
Smartphone (Foto: Reprodução/Internet)

O Grupo português de Ativistas em Tratamento (GAT), a partir do financiamento da Direção-Geral de Saúde lançou recentemente, o Check-Me, um aplicativo com informações e orientações sobre doenças sexualmente transmissíveis dedicado ao público LGBT.

A ferramenta inédita tem o intuito de mostrar o mapa de locais para socialização e informações sobre as infecções transmitidas através do sexo, guardar lembretes sobre marcações de consultas e exames, além de descobrir o histórico de parceiros, marcar encontros e até enviar notificações a anônimas para outros usuários.

Leia Mais:


TRF ordena prefeito a distribuir livros que falam de diversidade familiar em RO

Ex-padre que assumiu ser gay lança biografia com bastidores da Igreja Católica

“Esta aplicação nacional pretende disseminar informação correta e ajustada à promoção da saúde sexual dos homens que têm sexo com homens e conjuga várias funcionalidades de apoio à gestão da saúde individual”, diz o Gat no texto do anúncio.

O app vem sendo desenvolvido desde 2009, e está disponível de maneira gratuita nas lojas dos sistemas Android e iOS. “O objetivo é ir mais além da prevenção das doenças sexualmente transmissíveis e prestar também esclarecimentos úteis e credíveis tais como riscos associados aos comportamentos, profilaxia e ajuda na gestão do tratamento.”, explicou Diogo Medina, coordenador do  científico do CheckpointLX, centro de rastreio comunitário do GAT em Portugal.


DEIXE UMA RESPOSTA