Mara Maravilha chora e pede desculpas por comentários transfóbicos na TV

Mara Maravilha se retratou após criticar visual de Ivana em A Força do Querer
Mara Maravilha se retratou após criticar visual de Ivana em A Força do Querer (Foto: Reprodução/SBT)

Após causar nas redes sociais por fazer declarações transfóbicas e homofóbicas durante o Fofocalizando, exibido ontem (23), Mara Maravilha pediu desculpas aos LGBTs, na edição desta quinta-feira (24), chegando inclusive a chorar e afirmar várias vezes não ser homofóbica. A apresentadora recebeu o apoio dos colegas, principalmente Leão Lobo e Léo Dias, assumidamente gays.

O episódio aconteceu, depois que Mara comentou sobre as primeiras imagens da transição de gênero da personagem trans Ivana, em A Força do Querer, divulgadas pela Globo. A baiana não poupou críticas ao visual do papel interpretado por Carol Duarte.

Ao ver as fotos da atriz caracterizada, com os cabelos cortados, Mara não deixou a ignorância e o seu preconceito, sempre sob o velho argumento da religião para justificar a sua discriminação. “Deus fez Adão e Eva. Agora é Adão e Ivo”, disse ela.


Leia Mais:

Make Love! Inês Brasil participa de programa Silvio Santos e surta a internet

“Você salvou uma mulher hoje”, escuta jovem após ser estuprado em MG

Como se não bastasse, a cantora Gospel voltou a comentar a questão também de maneira transfóbica, após Leão elogiar a autora Gloria Perez por abordar o tema de uma maneira delicada. “Tem que respeitar. Mas pra procriar ainda é homem com mulher e mulher com homem”, disparou.

Vale lembrar que não é a primeira vez que Mara Maravilha dar suas declarações LGBTfóbicas. Em 2013, durante participação no extinto programa Morning Show, da Rede TV! ela chegou a classificar como aberração, o fato de ver duas pessoas do mesmo sexo se beijando.


DEIXE UMA RESPOSTA