Bandeira LGBT na Bahia ganhará cor branca pela paz

Bandeira do arco iris
"A comunidade pede paz, requer especialmente aos órgãos públicos, às autoridades e os homens e mulheres de bem, um olhar carinhoso e solidário para essa população”, afirmou o presidente do GGB, Marcelo Cerqueira.

A bandeira do arco-íris, adotada pela comunidade de LGBT como símbolo de representação da diversidade, passará a contar com a cor branca em sua versão na Bahia. Em setembro, quando acontecerá a 16ª Parada do Orgulho LGBT da Bahia, em Salvador, uma faixa branca passará a ser estampada na bandeira, como uma forma de protestar pela paz e contra a violência contra os LGBTs.

Com a campanha “A comunidade pede paz”, o Grupo Gay da Bahia (GGB) explica que a ideia veio por causa dos índices de crimes contra à comunidade LGBT.

De acordo com uma pesquisa do GGB, no ano de 2014 a comunidade LGBT teve 326 assassinatos no Brasil e em 2015, segundo dados do site Homofobia Mata, a comunidade teve um total de 318 crimes onde a orientação sexual da vítima foi a motivação. De acordo com dados levantados pelo grupo, até agosto deste ano, já tinham sido contabilizados 249 crimes em todo o Brasil.


O tema desta edição da 16ª Parada do Orgulho LGBT em Salvador será “A comunidade LGBTI da Bahia pede paz!”. O evento acontece no dia 10 de setembro, um domingo, das 11h às 21h, no Campo Grande.


DEIXE UMA RESPOSTA