Aluno xinga professor de “bicha” no Twitter e resposta viraliza nas redes sociais

Professor respondeu comentário homofóbico educadamente
Professor respondeu comentário homofóbico educadamente (Foto: Reprodução / Twitter)

Eric Mendenhall, professor na Universidade do Alabama, nos Estados Unidos teve um de seus posts do Twitter viralizado, no ano passado, e segue popular até hoje. O tweet é uma resposta à postagem de um de seus alunos, que o chamou de “faggot” (“bicha” em inglês), de forma ofensiva.

A frase postada pelo aluno Garrett Ake foi “meu professor de genética é uma bicha”. Como o post era público, o professor viu, tirou um print e respondeu, também publicamente: “Eu não aprovo o uso desse termo, e isso não influencia em nada a minha capacidade de te ensinar genética. Te vejo na quinta-feira”.

Leia Mais:


Guarda-chuva que Britney Spears usou em ataque de fúria vai a leilão

Generais criticam veto à pessoas trans no exército dos EUA

A mensagem viralizou, e, atualmente, já foi retweetado mais de 20 mil vezes, além dos diversos posts que só utilizaram a imagem da resposta. O aluno, após receber muitas respostas menos educadas e amistosas, sobre o ocorrido, optou por deletar sua conta no Twitter.

O professor seguiu conversando sobre o assunto por um tempo, inclusive defendeu o seu direito de ter dado a resposta às claras, e ainda afirmou que apoiaria estudantes LGBT que o procurassem. Ele também disse ser “parte da natureza humana a herança de parte do ódio e fanatismo da geração anterior”, e que não misturaria as coisas: “Eu prometo que isso não terá qualquer influência sobre as notas”.

 


DEIXE UMA RESPOSTA