Usuária homofóbica do Facebook ofende lésbica sem saber que ela era advogada

Usuária homofóbica do Facebook critica lésbica sem saber que ela era advogada
A usuária homofóbica do Facebook criticou o lesbianismo dizendo que o ato é condenado por Deus (FOTO: Estadão)

Nesta semana, uma jovem chamada Thais Helena participou de um concurso virtual no Facebook onde pedia para que seus amigos curtissem uma foto dela com a namorada para que o casal ganhasse um ensaio fotográfico de casamento.

Após a postagem de Thais Helena com o pedido por likes, uma usuária da rede social (que chamaremos apenas de Lygia) que estava no mesmo grupo do concurso virtual, então postou um comentário afirmando que sairia do grupo pois, “não apóia o que Deus não apóia” e acrescentou que a homossexualidade é considerada uma “abominação para Deus”. Lygia disse ainda que ela não estava julgando nada pois, o julgamento já havia sido feito por Deus e acrescentou que apenas estava dizendo a verdade pois, “falar a verdade é amar a pessoa”. 

Usuária da rede social critica homofobia usando discurso religioso (Reprodução/Facebook)
Usuária da rede social critica homofobia usando discurso religioso (Reprodução/Facebook)

Além de avisar que iria procurar a Justiça, Thais Helena respondeu que o caminho de Lygia era o da ignorância e informou que o seu desejo era de que Deus abençoasse a vida da homofóbica Lygia “mas não esse Deus que a senhora pinta como intolerante, mas o sim o meu Deus que prega amor e igualdade” acrescentou.


O que a usuária homofóbica não imaginava era que a lésbica em questão fosse uma advogada e ainda por cima pós-graduada em Direito Eletrônico que afirmou que irá entrar com um processo contra Lygia.

Recentemente um outro ataque homofóbico virtual com contornos divertidos mas não menos ignorantes foi assunto aqui no site. Um usuário do Twitter publicou uma mensagem homofóbica na rede social sem saber que a sua foto de capa divulgava a imagem de um ator homossexual.

Talvez seja hora de alguns destes homofóbicos pesquisarem um pouco mais antes de atacarem os LGBT’s né?

Para o próprio bem do seu nome, de sua honra e do próprio bolso.


DEIXE UMA RESPOSTA