Travesti afirma que situações no Casos de Família são combinadas

Travesti Thalita Araújo participou de edição do Casos de Família
Travesti Thalita Araújo participou de edição do Casos de Família (Foto: Reprodução/Youtube)

Convidada do Casos de Família, exibido no último dia 21, a Travesti Thalita Araújo utilizou o seu perfil no Facebook para levantar uma questão polêmica que há tempos cerca a atração do SBT comandada por Christina Rocha sobre a veracidade das histórias contatadas pelos seus  participantes.

De acordo com Thalita, ela teve que encenar um conflito com a cunhada e por uma amiga que segundo relato na rede social a apoiam. “Minha família, meus sobrinhos e a drag me amam, me aceitam de coração, sem preconceito algum. Referente a chamar de ‘ele’, foi tudo combinado.”, afirmou.

Leia Mais:


Gretchen participa de novo clipe da Katy Perry

Mulheres trans do Reino Unido poderão ter acesso a transplante de útero

Araújo destaca, porém,  as colocações da psicóloga do programa Anahy D’Amico que chegou a tratar sobre hormonização. “O bom do programa foi a parte da psicóloga informar a sociedade referente a transexualidade. O restante foi tudo um blábláblá sem proveito algum”, disparou ela, que apesar do saldo negativo considera importante mostrar o que é a realidade de muitas pessoas, como transfobia familiar.

Procurado, o SBT afirmou que a seleção para o Casos de Família é feita através de entrevistas, e que não há como saber se há mentiras ou exageros por parte dos selecionados para aparecer no programa.

Confira:

 

 


DEIXE UMA RESPOSTA