Salvador oferece 1ª oficina de pandeiro para mulheres negras LBT

Oficina de Pandeiros em Salvador será dedicada a mulheres negras LBT
Oficina de Pandeiros em Salvador será dedicada a mulheres negras LBT (Foto:

Está programado para acontecer, no dia 22 de julho, a 1ª Oficina de Pandeiros de Salvador e região metropolitana. Dedicada para mulheres negras, lésbicas, bissexuais e/ou transsexuais e travestis. Quem realiza o evento é o coletivo Lesbibahia, com apoio da vereadora Marta Rodrigues (PT).

O tema da oficina de pandeiros é Tocar Para Transformar, e ela faz parte um projeto inicial que pretende se desenvolver na criação de uma orquestra de pandeiro, que será especificamente formada por mulheres LBT. A participação na oficina de pandeiro Tocar Para Transformar será gratuita.

Leia Mais:


Que isso? Liam Payne se empolga e faz strip tease durante show

Condragulations! RuPaul conquista cada vez mais o coração dos héteros

Quem ministra a oficina é a professora, cantora, compositora, atriz e musicista Emillie Lapa. Ex-estudante na Universidade Católica de Salvador e transita por diversas linguagens artísticas. Ela domina bem instrumentos como cavaquinho e baixo, mas é especialista na percussão.

A 1ª Oficina de Pandeiros vai acontecer no Sindicato dos Comerciários de Salvador, que é localizado na rua Francisco Ferraro, 53, no bairro de Nazaré. O evento terá duração de três horas, das 9h da manhã às 12h, e as inscrições são feitas no local, que fica sujeito à lotação para limite de ingressantes.


DEIXE UMA RESPOSTA