Reino Unido celebra primeiro casamento gay muçulmano

Vestidos com traje islâmico, noivos se casaram na Inglaterra
Vestidos com traje islâmico, noivos se casaram na Inglaterra (Foto: Caters New Agency)

Os muçulmanos Jahed Choudhury, de 24 anos, e Sean Rogan, de 19 se tornaram o primeiro casal gay muçulmano a oficializar a relação em todo o Reino Unido. Vestidos com o tradicional traje islâmico Sherwani, os noivos assinaram o contrato do casamento civil aconteceu em um cartório de Walsall, na Inglaterra.

Em entrevista para o portal Express & Star, Choudhury contou que sempre se sentiu como uma espécie de “ovelha negra” da família e se via dividido entre sua sexualidade e  sua fé, o que fez por muito tempo tentar virar hétero. Uma das tentativas foi quando fez uma peregrinação à Arábia Saudita e outra a Bangladesh, de onde sua família se origina, com o objetivo de mudar de orientação sexual.

Leia Mais:


Em decisão inédita, justiça argentina autoriza barriga de aluguel para gerar filho de casal gay

Documentário retrata história de primeira gangue LGBT negra do mundo

Apesar de lamentar a ausência dos seus parentes na cerimônia, o muçulmano acredita que ele e o marido abriram o caminho para o progresso entre a comunidade islâmica e LGBT. “Minha família não quis estar aqui no dia. Eles simplesmente não querem ver isso, é muito embaraçoso para eles.”, afirmou.

O casal se conheceu há dois anos, quando Sean encontrou Jahed chorando em um banco da cidade britânica de Darlaston. Coudhury também lembrou que conheceu o companheiro em um momento difícil da sua vida. “Já fui violentamente atacado por meninos muçulmanos. Cheguei a tentar me matar e então conheci Sean. A associação habitacional nos deu uma casa em uma semana e vivemos juntos desde então. Eu o pedi em casamento no dia do aniversário dele, em junho passado””, contou.


DEIXE UMA RESPOSTA