Gay em Os Dias Eram Assim, Maurício Destri defende direitos LGBTs: “Amor é amor”

Maurício Destri é Leon artista gay em Os Dias Eram Assim
Maurício Destri é Leon artista gay em Os Dias Eram Assim (Foto: Divulgação/Globo)

Apesar de viver um personagem transgressor na série Os Dias Eram Assim, o ator Maurício Destri se mostrou incomodado com algumas perguntas mais picantes em relação ao seu trabalho na trama das 23h da Globo, durante entrevista concedida ao jornal Extra, publicada nesta segunda-feira (17).

O intérprete de Leon que irá viver um romance homossexual com Rudá (Konstantinos Sarris) se negou a responder questões como: se se identificava com o papel em algum aspecto, se havia realmente dispensado o uso de tapa sexo nas cenas de nú e se já havia vivido descobertas com o corpo assim como na ficção. Perguntas pelas quais julgou como inapropriadas.

Leia Mais:


Globo censura cenas de sexo gay de série americana

Pai gay consegue licença paternidade após adotar crianças em caso histórico

Sobre o envolvimento homoafetivo entre os jovens personagens, Destri garante que a ideia não é levantar nenhum tipo de bandeira. “eles existem em sua forma natural. Amor não tem diferença de sexo. Amor é amor. Ainda assim, o Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais. Algo tem que ser feito!”, exclamou.

“Acho importante ressaltar que as pessoas, héteros, gays, lésbicas, bissexuais, transexuais, têm os mesmos sentimentos que qualquer outro ser humano. Quando entendermos que somos todos iguais em suas diferenças, daremos um passo para uma evolução espiritual.”, finalizou.


DEIXE UMA RESPOSTA