Em filme, Elthon Jhon lembra importância de princesa Diana para os gays: “Presente incrível”

Elthon John gravou depoimento sobre princesa Diana para documentário
Elthon John gravou depoimento sobre princesa Diana para documentário (Foto: Reuters)

Na última segunda-feira (24), no Reino Unido e nos Estados Unidos, foi ao ar o novo documentário sobre a princesa Diana, intitulado Diana: Our Mother. A própria Família Real, além de colaborar na produção do longa e falar sobre a vida e o legado de Lady Di, postou-o completo no canal oficial do YouTube.

Diana, morta já há 20 anos, foi considerada por muitos uma líder caridosa e prestativa. O documentário mostra isso pelos olhos de seus filhos, os príncipes William e Harry.  Em certo momento do filme, trata-se da epidemia de HIV e AIDS que aconteceu nos anos 1980, e em especial sua relação com a comunidade gay.

Leia Mais:


Príncipe George é alvo de comentários homofóbicos na internet 

Foto de Elton John fazendo a chuca com enfermeira vaza e internet surta

Considerada uma “doença gay”, ela foi a razão de muito estigma e preconceito contra soropositivos e mesmo contra homossexuais que não estivessem infeccionados. Na época, a princesa Diana visitou hospitais com centros de tratamento de HIV e, diferente de muitos, não se impediu do contato físico com os contaminados.

O cantor Elton John foi convidado pelos príncipes para discutir o assunto. Ao ver as fotos das visitas surpresas de Diana, ele (e outros dois homens gays e soropositivos) afirmaram que a ação da princesa foram incríveis. “A AIDS era considerada uma ‘doença gay’, e para ter alguém na Família Real, uma mulher, heterossexual, ter alguém se importando do outro lado, foi um presente incrível”, declarou Elton John.

Assista o documentário Diana: Our Mother na íntegra:


DEIXE UMA RESPOSTA