Gay, Ian Mattos participou de campanha pró-LGBT da ONU
Gay, Ian Mattos participou de campanha pró-LGBT da ONU

O atleta Ian Matos, especialista em salto ornamental, participou este mês de uma campanha da Organização das Nações Unidas (ONU) chamada Livres & Iguais, para a promoção da igualdade de pessoas LGBT em todos os âmbitos sociais, inclusive nos esportes. Ela também tem a intenção de conscientizar a população sobre a violência e a discriminação pela qual passam pessoas LGBT.

No vídeo, o ginasta fala sobre a propagação de esteriótipos de gênero e como isso afeta e prejudica a população LGBT, que não costuma se identificar com o que é esperado pela sociedade. Ele também afirmou que tem “convicção de que a homofobia nasce do machismo”, justamente por culpa desses esteriótipos.

Leia Mais:


Pabllo Vittar fala de parceria e amizade com Anitta: “Sonho realizado”

Jovem acusa policial de agressão por ser gay

Sobre sua própria sexualidade, Matos afirmou que sua mudança para o Rio de Janeiro em 2014 é o que o levou a se assumir em público. “É um movimento político de que a gente precisa. A comunidade LGBT precisa de pessoas falando ‘olha, eu sou gay e não tem nenhum problema com isso, eu sou uma pessoa como qualquer outra’”, afirmou o atleta, que ainda ressaltou “o ato de pessoas públicas estarem assumindo a sexualidade é um ato de representatividade”.

Ian assumiu publicamente sua homossexualidade em 2014. Atualmente com 28 anos, ele é um dos atletas brasileiros mais bem-sucedidos no salto ornamental. Ele já conquistou a Taça e o Troféu Brasil, representou o país nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro no ano passado e, agora em 2017, participará do 17º Campeonato Mundial de Salto Ornamental organizado pela Federação Internacional de Natação (FINA).