Alunos vestem saias em protesto contra escola na Inglaterra

O ato aconteceu após a escola proibir o uso de bermudas pelos meninos em dias de calor
O ato aconteceu após a escola proibir o uso de bermudas pelos meninos em dias de calor (Foto: Reprodução)

Alunos da escola Isca Academy, em Exeter, na Inglaterra vestiram saias como forma de protesto as regras da instituição que proibiu o uso de bermudas como parte do seu uniforme para os meninos, desejo manifestado pelos garotos por causa das altas temperaturas que os termômetros do país passaram a registrar nas últimas semanas.

Os pais das crianças adotaram a ideia por também serem contra a posição do colégio. “Meu filho quis usar short, mas disseram que ele seria colocado de castigo pelo resto da semana. A professora disse que ele poderia usar saia se quisesse, mas eu acredito que ela estava sendo sarcástica”, contou uma mãe ao site Devonline.

Leia Mais:


74% dos brasileiros estão mais tolerantes com LGBTs, revela pesquisa

Natura inclui gays e trans em campanha sobre masculinidade

Diante da repercussão do fato, a diretora da escola, Aimee Mitchell reconheceu o incomodo do uso de calças em dias de calor, e aceita rever alternativas mais frescas no futuro. “Reconhecemos que os últimos dias foram excepcionalmente quentes e estamos fazendo o possível para que os estudantes e os funcionários da escola fiquem confortáveis, na medida do possível”, afirmou.

Verão no hemisfério norte, países da europa tem registrado extremas ondas de calor em suas temperaturas. De acordo com estudo divulgado recentemente por cientistas, a Inglaterra teve um aumento de quatro vezes na probabilidade de ondas de calor por conta das mudanças climáticas.


DEIXE UMA RESPOSTA