Personagem de filme de terror, Babadook se torna ícone LGBT nos EUA

Babadook presente em uma parada LGBT nos EUA.
Babadook presente em uma parada LGBT nos EUA (Foto: Reprodução / Twitter)

As paradas do orgulho LGBT começaram desde o início de junho, e elas vieram com um personagem que muitos podem não ter entendido: o Babadook. O monstrengo vem de um filme de terror australiano de mesmo nome, disponível na Netflix.

Na história, ele vem de um livro infantil chamado Mister Babadook, que uma viúva passa a ler para seu filho. Em seguida, ele começa a assombrar a família, sem nunca ser destruído por completo.

Leia Mais:


Professor LGBT posa com Trump e foto viraliza na internet

Cuca, do Sítio do Picapau Amarelo, se torna meme gay internacional

Então, um usuário do Tumblr fez um post simples: “quem disse que o Babadook não é gay, tipo? Não assistiu o filme?”, o que ocasionou centenas de outras pessoas entrando na brincadeira, como se fosse algo óbvio desde o princípio que o monstro é gay. E daí não parou mais: milhares de piadas e memes começaram a surgir.

A consequência foi que o Babadook passou a ser visto pessoalmente nas paradas LGBT do mundo, principalmente dos Estados Unidos. Atualmente, ele anda sendo meio “substituído” por um novo ícone, a nossa Cuca, do Sítio do Picapau Amarelo. Ainda assim, sua presença foi muito marcante para o Orgulho LGBT em 2017.

 


DEIXE UMA RESPOSTA