Militantes LGBT plantam 100 árvores em parque de SP

Ativistas plantam árvores para honrar vítimas de LGBTfobia
Ativistas plantam árvores para honrar vítimas de LGBTfobia (Foto: Divulgação)

No último domingo, 11, como parte das atividades do Mês do Orgulho LGBT, diversos ativistas e representantes da comunidade se reuniram para a realização de um projeto sustentável no parque Vila do Rodeio, na Cidade Tiradentes, em São Paulo.

A ação é chamada de Em Memória, e foi feita como uma homenagem aos mortos pela LGBTfobia só no ano de 2017. Foram plantadas 100 árvores, cada uma representando uma das vidas perdidas, e ainda assim não deu para atingir os números reais: pesquisas apontam que este ano já foram assassinados 164 pessoas em crimes de ódio.

Leia Mais:


Pride Collection 2017 | Levi´s lança coleção em homenagem ao orgulho LGBT

Google Maps vai mostrar arco íris no percurso da Parada LGBT de SP

Entre os participantes do projeto, estavam a modelo Viviany Beleboni (que fez história em sua participação na Parada LGBT de 2015), o grupo Mães pela Diversidade, Nelson Mathias da associação da Parada, Família Stronger e GT da Juventude da Parada, entre outros.

O Em Memória foi organizado pela Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo, junto com a Associação da Parada do Orgulho LGBT e a Ultrafarma.


DEIXE UMA RESPOSTA