Fórum reúne empresas que apóiam a comunidade LGBT

Painel de presidentes em reunião do Fórum de Empresas e Direitos LGBT de 2015.
Painel de presidentes em reunião do Fórum de Empresas e Direitos LGBT de 2015 (Foto: Divulgação)

Ao longo dos últimos anos, algumas empresas consagradas passaram a abrir as portas para políticas de inclusão da comunidade LGBT, tornando o ambiente de trabalho mais acessível a eles.

O Fórum de Empresas e Direitos LGBT foi criado em 2013 para tratar do assunto no sentido corporativo, e conta com 37 participantes. 32 deles são de origem européia ou americana, mas em 2016 surgiram as primeiras cinco brasileiras a integrar o grupo.

Leia Mais:


Noruega investe no mercado do turismo LGBT para atrair os brasileiros

Eu quero! Converse e Nike lançam linha especial para público LGBT

Das brasileiras, temos algumas empresas do seto jurídico, como a Mattos Filho, ou outras já gigantescas, como a Ambev. Outros grandes nomes que fazem parte da iniciativa são Microsoft, Google, Facebook, Carrefour, IBM, Sodexo, Dell, Avon e 3M, entre outras.

Ao participar, as empresas prometem cumprir com os 10 compromissos aos direitos LGBT do Fórum, que incluem a promoção de igualdade de oportunidades, a educação sobre os direitos da comunidade e o apoio à criação de grupos e ações de desenvolvimento profissional do segmento LGBT.


DEIXE UMA RESPOSTA