Ator gay de Big Bang defende apresentador acusado de fazer piada homofóbica

O ator Jim Parsons (à esq.) com Stephen Colbert em edição do talk show exibido ontem (3)
O ator Jim Parsons (à esq.) com Stephen Colbert em edição do talk show exibido ontem (3) (Foto: Reprodução)

O ator Jim Parsons, famoso no mundo inteiro por seu personagem na série cômica The Big Bang Theory, saiu em defesa do apresentador de talk show Stephen Colbert, acusado de homofobia.

Parsons, homossexual assumido, fez questão de deixar claro que não se sentiu ofendido pelo comentário que Colbert fez em seu programa na última segunda (1º), de que “a única coisa útil que a boca de [Donald] Trump faz é segurar o pênis de Vladimir Putin [presidente da Rússia]”.

“Eu achei muito estranho terem colocado o rótulo [de homofóbico] no seu monólogo”, ponderou Parsons ao próprio Colbert em entrevista exibida nos Estados Unidos nesta quarta-feira (3).


“Como um homem gay, eu não conhecia [a expressão] que você usou. Eu achei erótico, não homofóbico”, encerrou Parsons.


DEIXE UMA RESPOSTA