M.E.D.O – Espetáculo que bate de frente com a intolerância religiosa estreia neste sábado em SP

Espetáculo M.E.D.O.
Espetáculo M.E.D.O. (Foto: Divulgação)

Espetáculo teatral apresenta três homens que desvendarão a si mesmos diante da plateia, mostrando o que há de melhor e pior nos seres humanos.

Com um texto questionador e provocativo a peça que Estreia em São Paulo no Teatro Augusta dia 08 já ganhou seu primeiro teaser:


Infelizmente hoje vivemos em um momento de extremismos em diversos aspectos. A intolerância muitas vezes não parte de um lado só, mas sim de quem defende uma causa e, por vezes, tem dificuldade de compreender o lado oposto, de comunicar-se com o opositor através de um diálogo sensato, sem deixar que as emoções aflorem e a racionalidade de sua forma de pensar dê margens à intolerância. E isso gera cada vez mais a incompreensão com grupos, raças, orientações sexuais, profissões, entre tantos outros aspectos.

Pensando nisso, a peça teatral “M.E.D.O.” debate e alerta para temas tão atuais que assustam uma parcela da população, através de uma dramaturgia inovadora, com encenação forte ao colocar a plateia em uma sala de tortura, presenciando o que ali pode ocorrer quando se tem um objetivo (ainda que questionável).

Com uma equipe de diferentes idades e gerações, busca-se estimular o pensar através da alegoria do Teatro, fazendo com que a plateia saia questionando a violência física e psicológica existente agora e através do tempo, independente de país, religião, forma de governo e interesses econômicos.

Também discutem-se temas como o preconceito contra portadores de DSTs (principalmente portadores do vírus HIV), falsas acusações, valores morais e religiosos, definição do conceito de família, preconceitos com religiões que não sejam a mesma que aquela pessoa é devota.

O texto, atual mas atemporal, remete à história de torturas através dos tempos onde grupos e pessoas são julgadas e acusadas sem direito de defesa.

Sem dar nome a alguma religião em específico, aporta a percepção de imposição aos habitantes de um país qualquer, em poupar àqueles que estão ali mas não são ou fazem
parte daquela sociedade. O desconhecido, para alguns, pode ser sinônimo de incompreensão e intolerância e, assim, colocar pessoas em risco de morte por apenas amarem.

Serviço:
Estreia em São Paulo
Teatro Augusta
Sala Experimental (somente 50 pessoas por sessão)
De 08 a 30 de abril (Curta temporada)
Sábados às 21:00 h e Domingos às 19:00 h
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia entrada)
Aconselhável para maiores de 16 anos.

Reserva antecipada de ingressos:
https://www.facebook.com/medopecateatral/ e (11) 9 8765-1250


DEIXE UMA RESPOSTA