Livro revela que Leonardo da Vinci era gay, filho ilegítimo e tinha déficit de atenção

Imagem da exposição ‘Leonardo da Vinci’ em Paris
Imagem da exposição ‘Leonardo da Vinci’ em Paris (Foto: Divulgação)

A coluna de Lauro Jardim do site O Globo, divulgou hoje algumas informações de um dos maiores gênios de todos os tempos, o criativo e fora dos padrões de sua época: Leonardo Da Vinci.

Segundo o livro biográfico de Walter Isaacson, Leonardo Da Vinci não só era do vale dos homossexuais, como também era filho ilegítimo, canhoto, vegetariano e possuía déficit de atenção.

Estas são apenas algumas das informações levantadas na grande pesquisa feita pelo autor da biografia que recebe o nome de “Leonardo Da Vinci”, livro que será lançado pela editora Intrínseca.


Isaacson também assinou a biografia de Steve Jobs, lançada aqui no Brasil pela Companhia das Letras.


DEIXE UMA RESPOSTA