Coordenadoria LGBT de João Pessoa e Saúde querem promover atendimento integral à saúde dos LGBTs

Coordenadoria LGBT de João Pessoa e Saúde querem promover atendimento integral à saúde dos LGBTs
Coordenadoria LGBT de João Pessoa e Saúde querem promover atendimento integral à saúde dos LGBTs (Foto: Divulgação)

A Coordenadoria de Promoção a Cidadania LGBT e Igualdade Racial e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) irão firmar uma parceria para que o público LGBT receba um atendimento integral e humanizado nas unidades que compõem os cinco Distritos Sanitários mantidos pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). O acordo será firmado nesta quarta-feira (12), às 10h30, no Centro de Cidadania LGBT, localizado nas imediações do Parque da Lagoa. Vão participar desse pacto profissionais do Departamento de Promoção a Saúde do curso de medicina da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), que fazem residência médica nessas unidades.

De acordo com o coordenador de Promoção à Cidadania LGBT, Roberto Maia, todas as unidades terão capacitação permanente para atender o publico LGBT nas suas especificidades. “Realizaremos essa pactuação para garantir o acesso e a inclusão da população LGBT ao SUS. Sabemos que temos muitos entraves em relação ao atendimento de qualidade desse público. Podemos citar a dificuldade de acolher a população das travestis e transexuais pelo nome social, por exemplo, impedindo ou dificultando o acesso ao atendimento integral à saúde. As mulheres lésbicas também não ficam a vontade para fazer o exame ginecológico na atenção básica e acabam não realizando esse exame de rotina”, explica.

Roberto Maia ainda destaca que é importante desmitificar a hipersexualização que os profissionais de saúde ainda possuem sobre o público LGBT. “A partir do momento que um homossexual identifica sua orientação sexual ao profissional de saúde, a primeira pergunta feita é se ele já fez exame de DSTs/Aids, se ele usa preservativo, mesmo que sua queixa principal seja uma hipertensão, por exemplo”.


Próxima etapa – Após a pactuação do atendimento humanizado, serão realizadas oficinas em todas as unidades para orientar os profissionais de saúde, além da participação da Coordenadoria LGBT em reuniões matriciais para monitoramento desse atendimento.

O objetivo desse trabalho é fazer com que todas as pessoas LGBT se sentam à vontade para cuidar de sua saúde de forma integral, para isso é permanente a promoção do diálogo por meio de parcerias com instituições públicas e privadas.

Fonte: Prefeitura de João Pessoa


DEIXE UMA RESPOSTA