“Poderia estar na parada do orgulho gay”, Niki Lauda zomba carro cor de rosa da Force India

Equipe adotou pintura cor-de-rosa após acordo com patrocinadora austríaca
Equipe adotou pintura cor-de-rosa após acordo com patrocinadora austríaca (Foto: Divulgação)

Em pleno século XXI e ainda existem aqueles que acham que cor tem gênero…

O ex-piloto Niki Lauda e atual diretor da Mercedes GP de Fórmula 1 foi protagonista de uma polêmica na última sexta-feira (24), em meio à programação do Grande Prêmio da Austrália.

Antes dos treinos de sábado em Melbourne, o atual conselheiro da Mercedes ironizou a carenagem cor-de-rosa da equipe anglo-indiana. Em entrevista à rede de TV austríaca ORT, Lauda disse que a Force India “poderia usar (os carros) em uma parada do orgulho gay”.


“Minha filha Mia tem uma boneca da Princesinha Lillifee da mesma cor”, contou Lauda. A personagem é protagonista de uma série de livros infantis de grande sucesso em países de língua alemã.

As novas cores da Force India são resultado de uma parceria com a BWT, empresa austríaca do ramo de tratamento de água. Desde o acerto, a equipe tem sido alvo de diversos comentários na categoria.


DEIXE UMA RESPOSTA