Feira de São Cristovão é palco de manifestação em memória a travesti brutalmente assassinada

Cartazes de ordem contra o preconceito marcaram o evento
Cartazes de ordem contra o preconceito marcaram o evento (Foto: Divulgação)

O evento que teve inicio às 17h foi organizado pelo Facebook e reuniu 50 pessoas.

Aconteceu na noite desse domingo, 05, uma manifestação pacífica em frente ao pavilhão da feira de São Cristovão, para chamar atenção para o assassinato da travesti Dandara dos Santos, no Ceará. O caso de transfobia despertou comoção pelos requintes de crueldade que ainda ocorre no Brasil à comunidade LGBTT.

Foi estendida a bandeira do orgulho trans, nas cores rosa e branca, onde foram colocados cartazes de ordem contra o preconceito: “ Homofobia mata” “ Travesti Viva” “ Sou Cearence travesti, resisto!” “ Respeite travestis e Transexuais”, diziam algumas das mensagens.


A trans Bianca Fernandes, de Natal, no Rio Grande do Norte, esteve presente na manifestação e explicou que a agressão não pode passar impune “A minha importância de está aqui hoje é que ainda está faltando muita coisa, muito respeito para sair pra fora”.

“Sou de Fortaleza, mas moro aqui no Rio, a importância de está aqui lutando hoje pela Dandara é por ser do mesmo lugar que ela está, sei como é duro morar lá, e ser travesti ou gay, ou qualquer outro gênero, diferente do que eles querem que seja, então hoje pra mim é um marco” conta a transexual Beatriz Marques.

Ela ainda agradece a organização da feira de São Cristovão por ter abraçado o evento “ Hoje começa a trans revolução nordestina dentro da feira de São Cristovão” e ainda agradeceu a presença do coordenador CEDS-RJ, Nélio Georgini.

Nélio Georgini, Coordenador especial da Diversidade Sexual do Rio, que é ligado ao gabinete do Prefeito Marcelo Crivella, esteve presente na manifestação para apoiar à luta contra a homofobia “ Fiquei sabendo do encontro hoje pela manhã, estou aqui para que o principio da dignidade humana seja cumprida no nosso município… Como representante municipal, eu realmente fiquei muito chocado com o que eu vi no vídeo, e venho me solidarizar com todos vocês, para que denuncie conosco nessa luta diária..” finalizou.

A manifestação foi bem recebida pela população nordestina e as autoridades da Feira Nordestina, dentre ela a Gestora Magna.


DEIXE UMA RESPOSTA