Buenos Aires inaugura estação de Metrô em homenagem a ativista LGBT

Novo Metrô de Buenos Aires
Novo Metrô de Buenos Aires (Fotos: Divulgação e reprodução twitter do prefeito de Buenos Aires)

Buenos Aires deu um passo importante para se posicionar ainda mais como destino gay para turistas do mundo inteiro!

A estação de metrô Santa Fé, na esquina da Avenida Santa Fé e Pueyrredón, que faz parte da linha H foi reaberta com o nome de Estação Carlos Jaúregui. A inauguração contou com a presença com a presença do prefeito de Buenos Aires, Horacio Rodríguez Larreta.

Pode parecer algo simples, mas trata-se de um marco mundial já que é a primeira vez que uma estação de metrô no mundo recebe o nome de um ativista LGBT.


Advogado, Carlos foi um importante defensor dos direitos humanos LGBT e foi o primeiro presidente da Comunidade Homossexual Argentina. Em 1992 ele liderou a primeira Marcha do Orgulho Gay Lésbico em Buenos Aires, o que ajudou a impulsionar o primeiro projeto de união civil e a inclusão da orientação sexual na cláusula anti-discriminatória da Constituição da Cidade de Buenos Aires. Após sua morte, em agosto de 1996, uma procissão fúnebre reuniu dezenas de pessoas desde a Plaza de Mayo até o Cemitério de La Chacarita. Sua importância foi tão grande que desde 2012 o dia 20 de agosto, data de sua morte, passou a ser o Dia do Ativismo pela Diversidade Sexual em Buenos Aires.

A estação na região da Recoleta, uma das mais famosas da capital da Argentina, tem como destaques um painel com uma imagem do ativista e uma escada colorida nos tons do arco-íris, em referência a rainbown flag usada pelo ativismo gay. Certamente passará a integrar o roteiro de qualquer turista gay que visitar Buenos Aires e poderá significar o início de um ciclo de homenagens a ativistas gays em diversas cidades do mundo que se intitulam gay-friendly.

Fonte: Embarque na Viagem


DEIXE UMA RESPOSTA